08/03/2016

Quem apoia Marconi não tem compromisso com a cidade

O senador Ronaldo Caiado vai aparecer durante este mês no horário gratuito eleitoral do Democratas na televisão e rádio com críticas ao discurso fantasioso do governo estadual

As seis inserções ocorrem nos dias 7, 18, 25 e 28 de março e tratam de temas em que a propaganda do governador Marconi Perillo (PSDB) tenta camuflar a realidade, como saúde, segurança pública e infraestrutura. As pílulas serão transmitidas de acordo com a região do Estado. Para cada uma delas, o tema que mais aflige a população.

Nas pílulas, o líder do Democratas afirma que o governo e sua equipe preferiram investir em propaganda a cuidar da população. Exibindo reportagens que mostram o caos vivenciado pelo Estado em várias áreas, o senador conclama aos que não apoiam este governo a se juntarem ao Democratas na busca por mudanças.

“Goiás está entregue à bandidagem. O caos que o governador instalou passa da irresponsabilidade. A violência está por toda parte. Os bandidos estão soltos e nossa gente presa em casa com medo. Segurança é responsabilidade do Estado, a culpa é do governador. Este ano teremos eleições municipais. Quem apoia esse governo, não tem compromisso com a sua cidade. Junte-se a nós, seja Democratas”, diz na inserção sobre segurança pública.

A problema da energia elétrica também é tratado em duas pílulas. Numa delas o senador cita o caso da Celg e denuncia o abandono, a incompetência e a corrupção dentro da empresa. “A Celg é o Petrolão de Goiás. O governador se juntou com a presidente e estão acabando de vez com a nossa Celg”, afirma na propaganda.

A saúde é outro tema tratado nas pílulas. Em uma delas o senador lembra que Marconi Perillo negligencia áreas importantes do Estado para investir em propaganda. “O governo de Goiás prefere gastar com publicidade do que cuidar das pessoas”, denuncia.

Os vídeos também estarão disponíveis nas redes sociais do senador. Acesse abaixo pelo canal do Youtube:







Nenhum comentário:

Postar um comentário

MAIS NOTÍCIAS