16/10/2018

Quem é o candidato que partiu do nada e conquistou 630 mil votos em 45 dias?

Em 45 dias de campanha, Brasília descobriu Ibaneis Rocha (MDB). O brasiliense começou a trabalhar aos 11 anos como empacotador, vendeu hortaliças, peixe, remédios e construiu patrimônio na advocacia

Até então desconhecido da maioria dos brasilienses, ele teve ascensão meteórica na corrida ao Buriti. Saltou de 2% nas primeiras pesquisas para 41,97% dos votos, em um cenário com 11 candidatos. Alcançou, assim, a confiança de 634 mil eleitores, um feito extraordinário.

Ibaneis Rocha nasceu em Brasília. É advogado, empreendedor e ex-presidente da OAB/DF, onde atualmente exerce o cargo de conselheiro federal. 

Os pais de Ibaneis vieram morar no Distrito Federal em 1959, vindos do município de Corrente, do Estado do Piauí. Após passar parte da infância e adolescência em Corrente, para onde os pais tinham voltado, Ibaneis vem estudar em Brasília. 

Ingressou na UniCEUB e, após formar-se em Direito, montou seu escritório, especializando-se na defesa dos direitos dos trabalhadores e servidores públicos.

À frente da OAB, Ibaneis trabalhou em favor da sociedade. Dentre outras iniciativas, denunciou enfaticamente o crescimento da violência urbana e impediu a redução dos benefícios do programa Nota Legal.

Candidato ao governo, ele quer devolver ao Distrito Federal tudo aquilo de bom que lhe foi oferecido. Para tanto, coloca à disposição toda a sua experiência na defesa da justiça e de uma sociedade melhor e mais justa para a população.


É a primeira eleição geral que Ibaneis Rocha participa. Mesmo estreante, amealhou milhares de votos na capital federal, abrindo abismo até o segundo colocado, o governador Rodrigo Rollemberg. Postulante à reeleição pelo PSB, o chefe do Executivo somou 210 mil votos, três vezes menos que seu adversário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MAIS NOTÍCIAS